quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Por que muitos encarnados ainda não creem na reencarnação?

Como espíritas sabemos que cada Espírito possui determinado nível consciencial de acordo com a experiência evolutiva pela qual já passou.

A princípio podemos pensar que o dogmatismo religioso é o responsável por essa perseguição ao princípio da reencarnação, todavia acho que o assunto é mais complexo, pois o dogmatismo religioso, tanto quanto o fundamentalismo e o fanatismo de qualquer gênero são originados das duas maiores chagas da humanidade: o orgulho e o egoísmo.

Os que negam a reencarnação são movidos pelo orgulho que transforma-se em preconceito em suas ramificações, tais como: o preconceito étnico, o preconceito sexual e o preconceito sócio-econômico.

Não queremos com isso dizer que todos que acreditam na reencarnação sejam pessoas voltadas para o bem. Muitos algozes da humanidade acreditavam piamente nesse princípio e alguns até mesmo falavam de reminiscências de vidas passadas.
Imaginemos pessoas caucasianas extremamente orgulhosas da cor da pele cogitar da possibilidade de renascerem negras? Ou vice-versa que também não raro existe. Eis o orgulho étnico.

Será que machistas e feministas inveterados concordariam pacificamente em renascer com polaridade sexual diversa daquela predominante no psiquismo deles atualmente?

Será que pessoas dotadas de grande quantidade de dinheiro ou poder, ou os dois, aceitariam serenamente em renascer em posição financeira difícil, a fim de começar a conquista da verdadeira humildade na trajetória evolutiva?

Diante dessas perguntas não fica difícil sabermos as respostas de acordo com o que observamos na sociedade atual.

Não quero generalizar. Acredito que há pessoas que passariam por essas experiências sem revolta ou rebeldia, mas...

O preconceito é derivado da ignorância...

Os nossos medos significam limitações e também grandes possibilidades de evolução!

Reencarnação não é punição, ninguém reencarna para sofrer, mas para educar-se através do diferente...

A dor é necessária, mas o sofrimento não...

Nós que já acreditamos na reencarnação, compremos o desafio de sentir o princípio da reencarnação em nossos pensamentos, atos e palavras!

Obrigado, Inteligência Suprema, por esse corpo que é exatamente o que eu preciso para sentir o teu amor na atualidade.

Dai-me força e sabedoria, a fim de que eu possa aproveitar cada momento na carne, transformando-o em luz para minha caminhada rumo à felicidade...

(Texto publicado no Facebook em 09/04/16)

Nenhum comentário:

Postar um comentário